sábado, março 12, 2011

GERAÇÃO À RASCA

Hoje, na manifestação

Ironizar sobre os impasses da situação social, como fazem os jovens do cartaz, é uma demonstração de lucidez. É meio caminho andado para se compreender que o trabalho precário, o desemprego dos licenciados e o desemprego em geral são produtos do capitalismo flexível que se estabeleceu à escala global durante as últimas décadas.
Podemos fazer alguma coisa cá dentro? Sim, mas pouco.
Mesmo assim, vale a pena descer à rua. É o nosso direito à utopia!

2 comentários:

RAA disse...

Grande Manel, respondi-lhe lá no blogue que pensava ingenuamente que a minha geração não fora convocada. Vi, pela televisão, cartazes incríveis de oportunidade e humor. Que exytaordinária manif!

Manuel Nunes disse...

Sim, Ricardo, uma grande manifestação! De várias gerações, e sem o suporte de aparelhos partidários ou sindicais. Superou todas as expectativas.